Juventude da Amazônia é representada na COP 15

9 de dezembro de 2009 por Elis Lucien

Adaptado do artigo originalmente publicado no site: www.unicef.org/brazil

Ândria Farias, 15 anos, e Matheus Silva, 14 anos, representaram o Brasil no Fórum Crianças e Clima

(imagem retirada do Climate youth 2 youth)

Nova Iorque/Brasília,

Entre os dias 28 de novembro e 4 de dezembro, 160 adolescentes, com idades que variam de 14 a 17 anos, provenientes de 44 países participaram em Copenhague, capital da Dinamarca, do Fórum Crianças e Clima. O Brasil foi representado por Ândria Farias, 15 anos, da comunidade de Prainha, na Floresta Nacional do Tapajós/Belterra, no Pará, e Matheus Silva, 14 anos, de Rio Branco, no Acre.

O Fórum, organizado pelo UNICEF e pela cidade de Copenhague, foi realizado na semana que antecedeu as negociações intergovernamentais sobre mudança climática (COP15), em dezembro em Copenhague. Durante o Fórum, os adolescentes delegados participaram de discussões sobre o impacto da mudança climática nas crianças e como meninos e meninas podem tomar parte nos esforços globais para impedir as alterações climáticas. Também elaboraram uma declaração que será apresentada ao Presidente da COP15 na sessão de encerramento do Fórum. Os adolescentes aprenderam e discutiram como participar como jovens embaixadores do clima em nível local e nacional, quando retornarem aos seus respectivos países. Um pequeno grupo de delegados também participará da primeira semana da COP15.

O objetivo do Fórum Crianças e Clima foi dar, aos adolescentes, voz no debate sobre a mudança climática global e uma chance de influenciar o importante acordo que será fechado na COP15. As crianças de hoje vão sofrer as consequências da mudança climática, graças ao infeliz legado dos mais velhos. No entanto, crianças e jovens também podem contribuir na luta contra essa mudança. Tal como referido no artigo 12 da Convenção sobre os Direitos da Criança, toda criança tem o direito de se expressar e ser ouvida sobre questões que afetam sua vida.

Crianças dos seguintes países participaram:

África do Sul, Alemanha, Andorra, Bangladesh, Bolívia, Brasil, Canadá, China, Coréia do Sul, Dinamarca, Eslováquia, Espanha, Estados Unidos, Finlândia, Groenlândia, Haiti, Hong Kong, Índia, Indonésia, Irlanda, Islândia, Itália, Luxemburgo, Malaui, Maldivas, Marrocos, Mongólia, Nepal, Nigéria, Nova Zelândia, Noruega, Polônia, Portugal, Quênia, Quiribati, Reino Unido, Rússia, Senegal, Suécia, Suíça, Tadjiquistão, Turquia, Vietnã e Zâmbia.

5 Responses to “Juventude da Amazônia é representada na COP 15”

  1. Dailon Says:

    OIEE muito bom saber que o Nosso Brasil teve uma represante justamente da nossa região………parabens Andria…………fico muito feliz por isso…

  2. Mizael Santos Says:

    Fico feliz que nosso país e principalmente nossa região foi representada em Copenhague, ainda mais discutindo um tema tão importante e decisivo para o futuro da Amazônia do Brasil e do Mundo… espero que todos nós possamos tomar conciencia que preservar e lutar pela natureza é lutar pelo nosso futuro…

    Parabéns Andria Mônica.

  3. Monica de Almeida Says:

    Muito feliz estou, que bom, ainda mais sermos representados pela Andria. Ela é muito inteligente e conhece muita coisa.
    Um beijo para todos.

  4. luiza cordeiro Says:

    que orgulho! parabéns Andria… isso é muito importante pra gente, pois em meio a tantos problemas sociais, educacionais e econômicos, pecisamos mostrar nosso potencial… Que Deus conserve inteligência e sabedoia em sua mente e humildade no coração.

  5. luiza cordeiro Says:

    que orgulho! parabéns Andria… isso é muito importante pra gente, pois mesmo em meio a tantos problemas sociais, educacionais e econômicos, precisamos mostrar nosso potencial… Que Deus conserve inteligência e sabedoia em sua mente e humildade no coração.

Deixe um comentário

*