TV Mocoronga

25 de março de 2009 por Fábio Pena

A TV Mocoronga produz regularmente vídeos que são roteirizados, gravados, editados e exibidos nas próprias comunidades ribeirinhas onde atua o Projeto Saúde e Alegria. Onde existem telecentros, estão sendo formados núcleos de cineclube e produção de vídeos participativos. Toda a produção é exibida através de telões em mostras e circuitos intercomunitários de exibição ou em Tvs parceiras. Elabora ainda documentários e vídeo-temas educativos e também trabalha com materiais produzidos em outras regiões usando o vídeo na educação comunitária.

Assista aqui algumas de nossas produções:

[tubepress mode=”user” userValue=”saudeealegria” orderBy=”published”]

A TV Mocoronga:

3a MOSTRA DE VÍDEO PARTICIPATIVO DA REDE MOCORONGA

EVENTO REÚNE, NESTE FINAL DE SEMANA, VÍDEOS PRODUZIDOS POR JOVENS DE COMUNIDADES RIBEIRINHAS, DURANTE OFICINAS DE CAPACITAÇÃO COM ESTUDANTES SUECOS

Mais de 50 jovens, dos municípios de Santarém (Urucureá, Cachoeira do Maró e Nuquini) e de Belterra, estarão reunidos neste final de semana (20 de março) no Pontão de Cultura Digital do Tapajós para a 3ª Mostra de Vídeo da Rede Mocoronga de Comunicação.

Os vídeos foram produzidos pelos jovens durante as oficinas de capacitação realizadas nas próprias comunidades, viabilizadas pela parceria entre o Projeto Saúde e Alegria (PSA) e a Escola Nórdica (Suécia). O PSA recebe estudantes suecos que, durante seis meses, conhecem a realidade Amazônica e ensinam os jovens das comunidades a produzirem vídeos.

As oficinas de vídeo participativo, com duração média de dez dias, abordaram produção de conteúdo, com elaboração de roteiro, técnicas de operação de câmera de vídeo e edição de imagens. O objetivo é que, ao final do curso, os participantes estejam aptos para usar o vídeo como mais uma ferramenta para retratar sua própria realidade.

Vídeos participativos são vídeos produzidos pela própria comunidade, em alguns casos visando o resgate da cultura local, para que as comunidades ribeirinhas possam ter a capacidade de dizer quem são, o que são e qual a sua realidade para o mundo, já que todos estão com a atenção voltada para a Amazônia, mas pouco se sabe sobre a realidade em que vivem essas comunidades.

É o exemplo dos jovens de Belterra, que produziram um vídeo mostrando que na amazônia não existe só mato, mas também pessoas que moram, trabalham e são felizes com a vida em suas comunidades.

Nesta 3ª mostra os jovens produtores novamente serão homenageados com a entrega do Troféu “Mocoroscar”, uma premiação simbólica incentivando suas criações.

Programação:

20/03/10 – Início 09:00 hs no Pontão de Cultura Digital do Tapajós – Rua Barjonas de Miranda, 434- Aldeia

Às 17:30 hs, Mostra de Vídeo das comunidades

 

Evento aberto ao público – grátis

Mais informações:

93-3067-8000

2a MOSTRA DE VÍDEO PARTICIPATIVO DA REDE MOCORONGA

Nos dias 28 e 29 de março de 2009, o PSA realizou a 2ª Mostra de Vídeo Participativo da Rede Mocoronga de Comunicação Popular, evento que reuniu vídeos inéditos dirigidos por jovens talentos de comunidades ribeirinhas.

Em parceria com a Escola Nórdica da Suécia, o PSA realizou uma série de oficinas de capacitação em produção de vídeo com jovens comunitários. Jovens estudantes suecos de Vídeo Participativo que vieram ao Brasil complementar seus estudos ministraram as oficinas durante 5 semanas em cada comunidade, tendo como resultado os vídeos que serão exibidos na 2ª Mostra de Vídeo Participativo.

Os vídeos realizados, sempre mostrando a realidade dos próprios jovens, são o resultado prático das oficinas e foram integralmente produzidos por eles. É o exemplo do vídeo produzido pelos jovens de Belterra abordando o problema da gravidez na adolescência, ou daquele produzido em Boim falando do trabalho e da cultura do seringueiro, ou mesmo do vídeo que vem de Urucureá falando da vida sustentável na comunidade.

Vídeos participativos são vídeos produzidos pela própria comunidade, em alguns casos visando o resgate da cultura local, para que as comunidades ribeirinhas possam ter a capacidade de dizer quem são, o que são e qual a sua realidade para o mundo, já que todos estão com a atenção voltada para a Amazônia, mas pouco se sabe sobre a realidade em que vivem essas comunidades.

Nesta 2a mostra os jovens produtores novamente foram homenageados com a entrega do Troféu “Mocoroscar”, uma premiação simbólica incentivando suas criações.

Intercâmbio Amazônia – Brasil – Suécia

Estudantes da Escola Nórdica da Suécia vieram à Amazônia para complementar seus estudos em produção de vídeo. Eles ministraram oficinas de vídeo participativo durante 5 semanas nas comunidades de Urucureá, Boim, Belterra e Muratuba. Em contrapartida, quatro jovens dessas comunidades, que se destacaram pela capacidade de liderança e grau de envolvimento com o projeto partiram para a Suécia dia 13 de abril para participar de um intercâmbio cultural e para aprimorar seus conhecimentos na Escola Nórdica.

Juranildes Dantas e André Jordan de Belterra, Felipe Rodrigues de Boim e Walter Imbiriba de Urucureá viajaram ansiosos para conhecer o país e aprender mais sobre produção de vídeo e quando voltarem repassar seus novos conhecimentos para os amigos das comunidades. Junto com os estudantes suecos, os jovens brasileiros, participarão de mostras de vídeo, onde poderão exibir os resultados das oficinas na Suécia.

Assista um dos vídeos produzidos pelos Jovens

Vídeo Sustentável é um vídeo produzido por jovens repórteres da Rede Mocoronga do PSA na comunidade de Urucureá, rio Arapiuns, durante Oficinas de Vídeo participativo. Mostra o dia a dia da comunidade e a percepção dos moradores sobre sua relação com o meio ambiente. Enfoca a experiência do Grupo TucumArte, de produção de artesanatos em palha de tucumã que gera renda para a comunidade sem destruir a floresta.

Veja também:

Um vídeo sobre a TV Mocoronga