Por dentro do que aconteceu no III Chamado da Floresta

30 de outubro de 2015 por Gabriel Abreu

12118667_10203512075720805_1548607157877595800096_nNos dias 28 e 29 de Outubro as delegações de varias parte do Brasil estavam chegando ao porto da comunidade de São Pedro, na Resex Tapajós-Arapiuns, para o #‎ChamadodaFloresta‬. O evento reuniu cerca de 3 mil pessoas, principalmente populações extrativistas da Amazônia e de outros estados do país. Na pauta estavam demandas a serem apresentadas ao governo federal ligadas às políticas de reforma agrária, produção e geração de renda, infraestrrutura, saúde, educação e serviços ambientais para as comunidades extrativistas.

Uma das convidas do evento Edel Moraes (vice-presidente do Conselho Nacional das Populações Extrativistas) explica os objetivos do III Encontro Chamado da Floresta em São Pedro, na Resex Tapajos-Arapiuns #‎ChamadodaFloresta‬

Enquanto aconteciam os grupos de debates para definir as pautas de reivindicações, um grupo do movimento indígena do baixo Tapajós e Arapiuns, protestavam por uma maior abertura para a pauta indígena no evento. Além disso, os indígenas, bem como outras lideranças extrativistas presentes, deram eco ao posicionamento contrário ao projeto do governo federal de construção de hidroelétricas do Tapajós, e projetos de crédito de carbono nas reservas extrativistas. Segundo Caetano Scannavino (Coordenado Geral do Projeto Saúde & Alegria) o protesto é super valido: “legítima a manifestação do Movimento Indígena do Baixo Tapajós e Arapiuns, que esquentou a agenda morna no diálogo com o Governo, reforçando a indignação em tempos de tantos retrocessos, PEC215, hidrelétricas, etc.” (Fonte Facebook)

Foto Facebook Caetano Scannavino

Foto Facebook Caetano Scannavino

12144885_10153712826324855_2588946977712975883_n

Foto Facebook Caetano Scanavino

Fotos Facebook Fabio Pena

Fotos Facebook Fabio Pena

A @RedeMocoronga de Comunicação Popular fez a cobertura da terceira #‎Chamadodafloresta na comunidade de São Pedro, tudo isso e muito mais você poderá ouvir no programa ao vivo da Radio Mocoronga que irá ao ar sábado as 10 horas da manha na Radio Rural AM (http://www.radioruraldesantarem.com.br/)

Foto Facebook Wos Oliveira

Foto Facebook Wos Oliveira

Deixe um comentário