Cultura livre agita Belém

29 de janeiro de 2009 por Paulo Lima

do site do Teatro Mágico

Grupo de Osasco, que não tem suas músicas executadas nas rádios fm comerciais, fazem show empolgante no palco da Casa das 11 Janelas

Centenas de pessoas de todas as faixas etárias e de muitos países diferentes ouviram, cantaram e dançaram ao som do grupo paulista Teatro Mágico no começo da madrugada de quarta-feira no centro histórico de Belém.  O show, que não pode contar com toda a formação do grupo, surpreendia àqueles que não conheciam ainda o grupo mas que via toda a praça cantar as músicas.  O fenômeno se explica fácil como diz Fernando Anitelli um dos fundadores do Teatro Mágico: “mesmo com 1 milhão de downloads em quatro meses, poucas foram as rádios comerciais a executar as músicas do nosso grupo, muita gente produz cultura livre, pelo caminho paralelo”, acredita.  A internet criou o sucesso alternativo do Teatro Livre. A diversidade de culturas e origens reunidas em Belém confirmou a rapidez da convergência entre o que acontece na distribuição livre de conteúdos culturais na internet, a repercussão deles nas redes sociais de relacionamento (orkut, facebook, twiter, entre tantas outras) criando um novo modelo de distribuição de cultura.

Deixe um comentário