X Teia Cabocla reune centenas de lideranças jovens em Suruacá

5 de novembro de 2011 por Raquel Fernandes

Aproximadamente 180  lideranças jovens, vindas de diversas comunidades das regiões do Tapajós, Amazonas, Arapiuns e Várzea, estão reunidos em Suruacá, no Tapajós, para a X Teia Cabocla, que acontece entre os dias 04 a 06 de novembro.

A Teia Cabocla é um espaço onde  a juventude ribeirinha das comunidades, tem a oportunidade de mostrar sua organização, avaliar e planejar as ações desenvolvidas em seus grupos,  e além disso é uma troca de experiências entre os participantes.

Jovens repórteres, monitores dos telecentros, Agentes Multiplicadores do Eca, representantes da Comissão Local de Saúde, puderam acompanhar  e participar na manhã desse  sábado, segundo dia de atividades, da Piracaia Temática, uma mesa de palestra, composta por representantes de instituições e jovens lideranças discutindo o tema: Comunidades da Amazônia na Sociedade da Informação.

Luis Guggen, representando a Vivo- Fundacao Telefonica, esteve abordando o tema sobre a  Economia Criativa e Sociedade em Rede. Cristina Mori, deu enfoque no Programa Telecentros.br, explicando como funciona e como participar  desse programa que vem dando certo na região. Monica de Almeida, liderança jovem da cidade de Belterra, destacou a Experiência de Belterra na sociedade em rede. Maickson Santos – Jovem de Vila de Boim , deu show em sua palestra com o tema: O mundo vê a gente, a gente vê o mundo. O potencial de conteudos comunitarios na rede.

Foi feito ainda um balanço geral sobre as produções da Rede Mocoronga (rádio, jornal, telecentro, vídeo, blog, etc) e as perspectivas futuras desse trabalho da Rede nas comunidades.

A tarde (05-11), os grupos reuniram para avaliar e planejar as ações desenvolvidas pelos grupos.

Um dos momentos mas esperado da Teia, foi a entrega do MocorOscar, para os melhores  vídeos comunitários. No total foram exibidos 17 curtas, produzido nas oficinas de arranjos educativos locais.

No domingo (06-11) a programação continua.

Acompanhe nossas informações acessando nosso twitter: @redemocoronga

 

 

 

 

 

Aproximadamente 180 jovens lideranças comunitárias, vindas de diversas comunidades das regiões do Tapajós, Amazonas, Arapiuns e Várzea, estão reunidos em Suruacá, no Tapajós, para a X Teia Cabocla. A abertura do evento marcou com a apresentação

Com muita Saude e Alegria, iniciou nesta manha as atividades da X Teia Cabocla em Suruaca Rio Tapajos. Depois da dinamica do encontro, houve o momento das palestras, chamado de Piracai Tematica com o tema Comunidades da Amazonia na Sociedade da Informacao. Com a moderacao de Paulo Lima, e os convidados – Luis Fernando representando a Vivo Fundacao Telefonica, falando sobre – Economia Criativa e Sociedade em Rede – Cristina More – representando o programa Telecentros.br, articulando sobre o programa como funciona e como participar – Monica de Almeida – falando sobre Experiencia de Belterra na sociedade em rede, relatou sobre como Belterra comecou a participar da Rede Mocoronga e comohoje funciona – Maickson Santos – finalizou falando sobre O mundo ve a gente, a gente ve o mundo. O potencial de conteudos comunitarios na rede. Finalizou assim com debate dos participantes  a Piracaia Tematica !!

3 Responses to “X Teia Cabocla reune centenas de lideranças jovens em Suruacá”

  1. Vanessa Karoline Says:

    Olá pessoal… acho fantástico o trabalho de vcs… em dar a juventude ribeirinha das comunidades, a oportunidade de mostrar sua organização … e resumindo o que conta muito com certeza é a troca de experiências que são trocadas pelos grupos…

    Beijos…

    Ótimo trabalho pra vcs…

  2. Vanessa Karoline Says:

    Olá Raquel parabéns pela postagem, pois é de suma importância abranger as informações sobre o que acontece na Teia… assim mantêm a comunicação com as pessoas que ñ tiveram a oportunidade de estar aí…

    bjs …
    Ótimo trabalho…

  3. Raquel Fernandes Says:

    Obrigada querida. A Teia cabocla é sempre um espaço para essa turma mostrar seu potencial e o mais legal é o aprendizado que tanto os jovens riberinhos tem, quanto a equipe que ajuda a melhorar esse trabalho de comunicação e organização comunitária. Eales tem sempre muito o que contar sobre suas realidades.
    Um abraço linda.
    Bjos

Deixe um comentário