Origem de Amorim

31 de janeiro de 2013 por Bob Barbosa

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=LcZzUoGTA-g[/youtube]

clique sobre a imagem acima e assista ao curta

A Comunidade de Vila de Amorim, estimulada pela equipe de Educomunicação do Projeto Saúde e Alegria, botou a mão na massa. Ou melhor dizendo, botou a mão numa câmera! Não uma câmera profissional, mas uma simples câmera fotográfica digital, aproveitada na gravação de um vídeo de ficção.

Primeiro os jovens da comunidade procuraram Luciano Reis Lopes, antigo morador de Amorim, para ouvir dele uma curiosa história sobre a origem no nome “Amorim”. Essa história é contada de geração para geração e mistura lendas da Amazônia, ops… dizem que não é lenda, é a pura verdade, mas será que lenda e verdade não se misturam nas histórias? Hum…

Depois que o Seu Luciano contou sua versão da história, os jovens distribuíram os personagens entre as crianças, adolescentes e adultos da comunidade. Hebe Lopes e Bruno Manoel se dividiram na operação da pequena câmera e enquanto eram gravadas as cenas, Jane Milena fazia a função de narradora oculta. Ao mesmo tempo os três conduziam a atuação do elenco.

Depois Hebe, que é professora e moradora (desde que nasceu) da Vila de Amorim, avisou o Projeto Saúde e Alegria que as filmagens estavam concluídas e portanto a comunidade precisava de auxílio para editar o vídeo.

Para ajudar na edição e pensando no intercâmbio entre comunidades, a equipe do Saúde e Alegria convidou Joares Miranda da Vila de Boim, que já fora capacitado em uma Oficina de Vídeo Celular. Assim, durante o XII Encontro de Lideranças Juvenis da Teia Cabocla, Joares ministrou uma Oficina de Edição usando como exemplo o vídeo da Vila de Amorim, e com o auxílio de Hebe, que tinha em mente a sequência, a ordem das cenas gravadas.

Por estarem em uma Oficina de Edição da Teia Cabocla, vários jovens de outras comunidades também acompanharam o trabalho de montagem das cenas. No mesmo dia, o vídeo estava pronto para a competição na Teia. Ficou em terceiro, entre uma dúzia de trabalhos de outras comunidades.

E como os três primeiros colocados na Competição de Vídeo teriam o privilégio de serem divulgados na Rede Mocoronga, a Hebe e o Joares retornaram ao Projeto Saúde e Alegria para dar um melhor acabamento ao “Origem de Amorim”. Junto comigo, Bob Barbosa, eles “enxugaram” o vídeo, tirando ou diminuindo o tempo das cenas desnecessárias ou longas demais.

Se na Teia foi exibido com nove minutos, o vídeo está agora com pouco menos de seis minutos. Os volumes de áudio foram nivelados. Os créditos, com todos os nomes da equipe de produção, inseridos.

O apoio do Saúde e Alegria à produção de vídeos celulares nas comunidades ribeirinhas, principalmente na Reserva Extrativista Tapajós-Arapiuns, onde está Vila de Amorim, acontece graças a uma parceria com a Vivo e a Fundação Telefônica. Parceria que vem possibilitando a criação e a produção de uma autêntica cultura digital vinculada aos valores tradicionais das populações ribeirinhas da Amazônia.

One Response to “Origem de Amorim”

  1. Maximo R. de Souza Says:

    Bom dia meu caro Bob Barbosa!
    Eu já estive em Belém, Manaus, Macapá. Eu sou apaixonado pela Amazônia! E ME DOI O CORAÇÃO VER A DESTRUIÇÃO NA FLORESTA! Eu vi algo sobre as usinas hidroelétricas na amazônia, e veja bem; se o governo do Brasil, e os Empresários quisessem, poderíamos ter formas de gerar energia ELETRICA por meio de GERADORES MAGNETICOS! A floresta não precisa ser destruída para gerar energia elétrica.
    http://www.youtube.com/watch?NR=1&feature=endscreen&v=ugGIL-KL5rc
    http://www.youtube.com/watch?v=gwjS0qCMHYw
    Esta faltando apenas INICIATIVA DO GOVERNO, E DOS EMPRESARIOS!
    Eu ate criei uma petição na Avaaz.org para tentarmos PRESSIONAR os políticos a agirem para facilitarem as leis que INCENTIVEM os empresários a fabricarem estes geradores MAGNETICOS! https://secure.avaaz.org/po/petition/Energia_limpa_e_barata_para_todos/
    Vocês podem aderir a esta causa; ou podem CRIAR uma petição também (tanto faz)! O importante é CONSCIENTIZARMOS as pessoas; e começarmos a agir para PRESSIONAR OS POLITICOS! Esta petição pode ser o começo de uma mudança na POLITICA ENERGETICA do Brasil!
    Eu gosto muito de ervas, e plantas medicinais; e tenho algumas no meu quintal, e gostaria de sugerir a inclusão de produtos da natureza (copaíba, andiroba, castanha do brasil etc). PARA VENDA DIRETA AO CONSUMIDOR; SEM A AÇÃO DO ATRAVESADOR, no teu site! Isto geraria uma maior renda para os produtores extrativistas! Eu sugiro que façam um cadastro no PAGSEGURO OU TODAOFERTA DA UOL para venderem com o PAGSEGURO! Eu to procurando um vendedor de copaíba pela internet, e ta difícil de encontrar! Você poderia me indicar algum site ou blog DA REGIÃO AMAZONICA que venda COPAIBA E ANDIROBA? Agradeço se puderem me informar! Meu email: mrsouzagt7@gmail.com
    Um abraço!

Deixe um comentário

*